MODA INFANTIL: TENDÊNCIAS EM CALÇADOS PARA CRIANÇAS

Atualmente, os modelos de sapatos para bebês e crianças seguem tendências das passarelas e do mercado de moda. A preocupação vai além da qualidade do material usado e o conforto para os pés dos pequenos. Os pais querem seus filhos usando o que há de mais moderno e atual. Confira as tendências para calçados infantis:

  • As peças combinam, de maneira geral, estampas florais e étnicas, além do já consagrado do animal print, que se mantém em alta.
  • As cores fortes e estampas estão em altas, principalmente nos tênis para crianças de 0 a 4 anos. Há modelos com cadarço e velcro;
  • A palha ou materiais que reproduzam esse tipo de trançado também conferem mais leveza e frescor ao visual das crianças. Ótima opção para os modelos de verão.

Modelos em voga

Confira os modelos de calçados infantis que estão em alta:

  • Espadrille ou Alpargata: este tipo de sapato leve ou sapatilha pode ser feitos em brim (tecido resistente de fibra, algodão, fibra sintética etc) ou lona (material bem resistente feito de algodão). O solado é emborrachado ou recoberto por cordas. Para meninas, peças estampadas caem bem com vestidos de tons claros.
  • Tênis de cano alto e sneakers: o modelo pode ser encontrado, tanto para meninos quanto meninas, em versões mais clean, com detalhes e estampas básicas.
  • Mocassim: o modelo é unissex e são feitos em tons neutros e cores fortes (vermelho, azul, amarelo). Os mocassins são sapatos confortáveis e podem ser usados em diversas ocasiões.
  • Sandálias e rasteirinhas: Clássico do guarda-roupas feminino, também estão nos pés das mocinhas. Para meninas, priorize sandálias com um ar mais romântico, com detalhes em rendas, estampas, botões e pendentes. As franjas são uma tendência forte da moda adulta que também chegam às sandálias infantis.
  • Sapatênis: Para os meninos, esse calçado básico, aparece em modelos diversos, desde os que reproduzem sapatos adultos, até os com estampas de super heróis, com cores mais alegres.

Cuidados

É importante evitar calçados com salto, pois a criança ainda não está segura com a sua pisada. A estrutura óssea do pé só estará formada até, mais ou menos, 12 anos de idade para os meninos e 10 anos de idade para as meninas. A sola deve ser reta e firme o suficiente para conferir estabilidade na passada. Aumentar a altura do calcanhar pode provocar modificações permanentes no padrão de caminhar, e causar dano à estrutura física geral da criança.

Fonte: sebraemercados

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *